ANJOS E ARCANJOS


Os Anjos são criaturas puramente espirituais dotados de inteligência e de vontade; às vezes aparecem na forma de homem, mulher, criança e geralmente são alados e imortais. Superam em perfeição todas as criaturas visíveis. Os anjos são uma extensão de Deus. Anjos e homens seguem caminhos paralelos de evolução. Enquanto que os homens evoluem para a Luz, os Anjos evoluem na Luz.

O crescimento e a evolução dos Anjos estão ligados a sua capacidade de atrair para si uma das virtudes divinas para posteriormente irradiá-la sob a forma de bênçãos. Sua missão é atuar dentro da Luz do Amor e sua evolução é medida pelo poder e pelo brilho de sua Luz.

Às veses aparecem na forma de homem, mulher, criança e geralmente são alados e imortais. Superam em perfeição todas as criaturas visíveis. Os anjos são uma extensão de Deus; Ele os criou para serem um elo especial entre nós e Ele, para nos assistir.

Eles ministram as necessidades da humanidade, magnetizando a luz para as auras dos homens, intensificando sentimentos de esperança, fé e caridade, honra, integridade, coragem, verdade, liberdade, misericórdia, justiça e todos os aspectos da mente de Deus. São mensageiros para consolar, proteger, guiar, fortalecer, ensinar, aconselhar, alertar.

As hostes angélicas abrangem um tipo de evolução diferente da humanidade, com a sua individualidade chamejante e a pureza de sua devoção à divindade e aos arcanjos sob cujo comando servem. A sua função é concentrar, acelerar e ampliar os atributos de Deus em prol da Sua criação. Existem anjos da cura, de proteção, do amor, consolo e compaixão, anjos que acompanham o nascimento e a morte, anjos do olho Onividente de Deus.







Existem tipos e ordens de anjos que realizam serviços específicos na hierarquia cósmica, tal como os serafins, os querubins e anjos, que atuam às vezes com os espíritos da natureza e os elementais da terra, água, fogo e ar. Os anjos existem desde o começo dos tempos e são citados em várias culturas:




- Judaísmo, de onde se originou os nomes dos 72 Anjos Cabalísticos;






- no Cristianismo, conforme 147 citações do Antigo Testamento e mais 152 citações do Novo testamento;






- no Hinduismo são chamados de Devas. Seu nome deriva da raiz sânscrita, que significa "brilhar", são os "seres brilhantes" ou "autoluminosos", descritos nas escrituras Védicas;





- no Islamismo, onde exista uma categorização hierárquica: Em primeiro lugar estão os quatro Tronos de Deus, com formas de leão, touro, águia e homem.

Em seqüência, vêm o querubim, e logo os quatro arcanjos:

.Jibril ou Jabra'il, o revelador, intermediário entre Deus e os profetas e constante auxiliador de Maomé;

.Mikal ou Mika'il, o provedor, citado apenas uma vez no Corão (2:98) e quem, segundo a tradição, ficou tão horrorizado com a visão do inferno quando este foi criado que jamais pôde falar de novo;

.Izrail, o anjo da morte, uma criatura espantosa de dimensões cósmicas, quatro mil asas e um corpo formado de tantos olhos e línguas quantas são as pessoas da Terra, que se posta com um pé no sétimo céu e outro no limite entre o paraíso e o inferno; e

.Israfil, o anjo do julgamento, aquele que tocará a trombeta no Juízo Final; tem um corpo cheio de pelos e feitos de inumeráveis línguas e bocas, quatro asas e uma estatura que vai desde o trono de Deus até o sétimo céu .

Por fim, os demais anjos.

Como uma classe à parte estão os djins, ou gênios, que possuem muitas características humanas, como a capacidade de se alimentar, propagar a espécie, e morrer, e cujo caráter é ambíguo.




- no Budismo; - no Zoroastrismo; e em quase todas as outras religiões.










OS TRÊS ARCANJOS MIGUEL, RAFAEL E GABRIEL:

Esses três arcanjos representam a alta hierarquia dos "Anjos-Chefes", o seleto grupo dos sete espíritos puros que atendem ao trono de Deus e são seus mensageiros dos decretos divinos aqui na Terra. Juntos, Miguel, Rafael e Gabriel simbolizam a fidelidade, o poder e a glória dos anjos.
NOTA SOBRE O ARCANJO URIEL: - Dos sete arcanjos do judaísmo pós-exílio, apenas três (Gabriel, Miguel e Rafael) são mencionados pelos nomes nas escrituras que gradualmente foram aceitas como canónicas. - Os outros quatro, contudo, são nomeados no século II a.C. no Livro de Enoque, capítulo XXI: Uriel, Ithuriel, Amitiel e Baliel. Aí, intercedem perante Deus pela Humanidade, durante o período dos Nephilim - os Vigilantes caídos. - Quanto aos três primeiros arcanjos referidos se referia outro, de modo a representar os quatro pontos cardeais, Uriel era, geralmente, o quarto (o Norte - bem como, quando representam os quatro elementos - toma o lugar da Terra). - Como Uriel é mencionado na Bíblia (Terceiro Capítulo do Génesis, no Primeiro Livro de Enoque e no Segundo Livro de Esdras) quase sempre como sendo um Querubim, Serafim ou até como simplesmente Anjo, portanto, Uriel não está incluído nessa Tabela dos Príncipes Cabalísticos (Arcanjos).

5 comentários:

  1. ACREDITO COM TODA A FORÇA DO MEU SEREM ANJOS E ARCANJOS,,ESTOU PEDINDO AO ARCANJO~SAO MIGUEL,QUE ASSIM COMO ELE DERROTOU SATANAS, E ESPULSOU SATANAS DO CEU,QUE ELE AFASTE DEFINITIVAMENTE SATANAS DE CACIUS MARCELO BONGALHARDO GONÇALVES DE TODOS OS MALES QUE JA FIZERAM A ELE,E QUE ELE SE LIBERE DO MAL DA RELIGIAO QUE ELE SEGUIU E QUE HOJE ELE ESTA MUITO ARREPENDIDO, FAÇA QUE SATANAS SE AFASTE DEFINITIVAMENTE DA VIDA DO CACIUS AMEM.

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Eu sempre achei que fosem quatro arcanjos: Rafael, Gabriel, Miguel e Uriel.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dos sete arcanjos do judaísmo pós-exílio, apenas três (Gabriel, Miguel e Rafael) são mencionados pelos nomes nas escrituras que gradualmente foram aceitas como canónicas. Os outros quatro, contudo, são nomeados no século II a.C. no Livro de Enoque, capítulo XXI: Uriel, Ithuriel, Amitiel e Baliel. Aí, intercedem perante Deus pela Humanidade, durante o período dos Nephilim - os Vigilantes caídos. Quando aos três primeiros arcanjos referidos se referia outro, de modo a representar os quatro pontos cardeais, Uriel era, geralmente, o quarto (o Norte - bem como, quando representam os quatro elementos - toma o lugar da Terra). Como Uriel é mencionado na Bíblia (Terceiro Capítulo do Génesis, no Primeiro Livro de Enoque e no Segundo Livro de Esdras) quase sempre como sendo um Querubim, Serafim ou até como simplesmente Anjo, não sendo incluído nesse Tabela dos Príncipes (Arcanjos) Cabalísticos.

      Excluir
  3. Olá eu gostaria de saber de onde você tirou aquela foto que está escrito "semeadores de luz" .Tenho grande desejo de descobrir quem o fez e é a primeira vez que vejo uma foto tão compatível em todos os aspectos com meus sonhos ,e eu tenho grande desejo de descobrir porque desde pequena tenho esse o mesmo tipo de sonho .Bem ficarei muito feliz se lembrar de onde você tirou esta imagem . por favor responda mesmo se não lembrar

    ResponderExcluir
  4. Ola, queria saber se tem como agente saber qual er o nosso anjo da guarda e se tiver como, como q faço pra saber?

    ResponderExcluir